Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

abrasivo on the rocks

BOLO CHIFFON DE CHOCOLATE

chiffon de chocolate.jpg

Para uma tigela, peneirei 220 gramas de farinha sem fermento, 350 gramas de açúcar amarelo e 3 colheres de chá de fermento em pó. Ralei 80 gramas de chocolate preto para culinária (Lindt, 70 por cento de cacau).

Misturei tudo e fiz uma cova no centro. Aí, deitei 125 ml de óleo, 8 gemas, de ovos médios, e 2 dl de água. Bati tudo com a ajuda de uma batedeira eléctrica, durante cerca de 15 minutos, até obter uma mistura cremosa.

Numa tigela maior, juntei às 8 claras uma pitada de sal grosso. Bati manualmente com o batedor de varas até principiarem a ficar espumosas. Polvilhei com o cremor tártaro e continuei a bater até obter um castelo bem firme (não tenha medo de bater de mais. Antes de mais que de menos).

Por sobre as claras batidas (nunca ao contrário) deitei a massa. Envolvi tudo delicadamente com a ajuda de uma espátula. Em movimentos circulares de cima para baixo. Sem bater.

Deitei a massa de chocolate numa forma redonda de alumínio com 28 centímetros de diâmetro e 10 centímetros de altura (não unte a forma. Utilize a forma seca e limpa).

Levei a cozer em forno previamente aquecido a 160° C (demorará entre 55 e 60 minutos a cozer. Depende do forno. Não abra o forno durante a cozedura. No fim, poderá confirmar que está cozido calcando ligeiramente no centro do bolo. Voltará para cima se estiver cozido. Há sempre o velho truque do palito. Espete um palito, retire e verifique se não traz massa agarrada).

Deixei o bolo arrefecer dentro da forma invertida. (Pode arranjar qualquer outra maneira. Eu coloquei três chávenas iguais e invertidas sobre uma mesa. Depois coloquei a forma virada ao contrário sobre as chávenas, de maneira a que os bordos da forma tocassem os bordos das chávenas, mas sem tocar no bolo. Não se preocupe. O bolo não cai. Peça ajuda a alguém que esteja em casa. Não se esqueça que a forma está quente. As pegas dão sempre jeito).

Em banho-maria, derreti 180 gramas de manteiga sem sal com 320 gramas de chocolate (Lindt, 70 por cento de cacau) partido em pequenos pedaços. Acrescentei 180 gramas de açúcar em pó. Juntei um pouco de leite (apenas o suficiente para obter um creme um pouco espesso. Meia dúzia de colheres de sopa).

Deixei arrefecer. Depois de frio e com a ajuda de uma faca, desenformei o bolo.

Sacudi a forma para verificar se o bolo estava solto (não o esmague. Não lhe danifique a textura). Voltei-o sobre papel de alumínio.

Com uma faca bem afiada, desenhei um pequeno sulco à volta de todo o bolo e a meia altura. Introduzi nesse sulco uma linha a toda a volta. Dei um nó simples e apertei. Fechado o nó, o bolo ficou cortado em duas partes iguais. Com cuidado, retirei a parte de cima para outro papel de alumínio.

Limpei as aparas soltas. Deitei sobre a parte que ficou no primeiro papel de alumínio cerca de 2/5 do creme do chocolate. Espalhei por todo o bolo. Em cima, coloquei a outra parte, reconstruindo o bolo. Por cima, espalhei mais creme de chocolate (cerca de 2/5), reservando uma pequena parte para revestir os lados. Espalhei com a ajuda de uma espátula de madeira que entretanto arrefecera no congelador. Revesti os lados também com a ajuda da espátula.

chiffon de chocolate1.jpg

publicado às 19:58

Mais sobre mim

imagem de perfil